Vandalismo preocupa população na Rua Cidade do Cabo

O presidente da Junta de Freguesia do Imaculado Coração de Maria, Pedro Araújo, manifestou, esta segunda-feira, a sua preocupação com a escalada de vandalismo verificada na Rua Cidade do Cabo.

Segundo relatos que chegaram esta manhã à Junta de Freguesia, as caixas de correio foram vandalizadas e alguma correspondência que ainda permanecia nas mesmas violada, atos que terão sido perpetrados durante a última madrugada.

De referir que, há cerca de um mês, as máquinas ATM existentes naquela zona, nomeadamente à entrada da Escola da APEL, e junto à empresa Cofidis, foram igualmente vandalizadas, sem que a sua reposição tenha ainda acontecido, não obstante as diligências da Freguesia.

Há também relatos de situações de falta de pagamento dos consumos efetuados nas superfícies comerciais daquela zona, pelo que o clima de insegurança começa, de forma legítima, a apoderar-se dos residentes.

“A Junta de Freguesia tem mantido contactos regulares com a PSP, através do policiamento de proximidade, mantendo as autoridades policiais informadas sobre todos estes acontecimentos que naturalmente nos preocupam”, revela Pedro Araújo.

O presidente da Junta manifesta “a sua total solidariedade para com os residentes” mas expressa também “a confiança de que as autoridades vão sanar estes episódios, que creio possam até estar interligados”.

Este mesmo trabalho de articulação entre a Junta e a PSP foi adoptado recentemente aquando do surgimento de queixas na zona da Arcebispo Dom Aires, que mereceu o reforço de patrulhamento naquela área, para satisfação generalizada dos moradores.

137

You may also like